Dar maior ênfase ao pensamento do que ao conhecimento.

Estabelecendo uma oposição entre pensar e conhecer, o professor doutor Walter Kohan destaca a necessidade, da filosofia e da educação, de dar maior ênfase ao pensamento do que ao conhecimento. Segundo ele, o conhecimento tem a sua relevância, mas é o pensamento que lhe parece algo mais próprio à educação, pois é quando pensamos que somos obrigados a colocar-nos em movimento e não quando conhecemos. O conhecimento estaria ligado mais à quietude, ao que está dado. Assim, é possível conhecer sem pensar. Podemos conhece muitos dados, mas não se tem a capacidade de pensar e, para o professor Kohan, o nosso mundo exige-nos o pensamento.

Oiça aqui esta entrevista:

Professor Kohan

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s